Archives

IntegraSoma

Oficina de criatividade realizada com a equipe da Soma Marketing, marcando primeiro encontro pós-pandemia, início das atividades 2022 e a comemoração de aniversário dos 12 anos da agência. A ação foi elaborada com exclusividade para a Soma a partir de fundamentos de design thinking, método ágil e experiência do cliente.

  • 0

Podcast InLocker

Episódio #1 do Podcast InLocker com Christian Costa e transformação digital, desafios da pandemia, futuro do trabalho e varejo na pauta. Assista aqui.

  • 0

Live ABMP Felipe Muñoz

Início da série “Reinvenção e o Mercado de Serviços” nas lives da ABMP Bahia. Na estréia papo com Felipe Muñoz sobre suas transformações de carreira e empreender na pandemia.

  • 0

Lifelong Kindergarten

Mitchel Resnick tem mais de 30 anos de experiência de pesquisa no MIT Media Lab. Com seu grupo Lifelong Kindergarten desenvolveu o conceito de aprendizagem criativa e projetos para crianças como o ambiente de programação Scratch e os kits de robótica da LEGO.

Muitos pensam no jardim de infância como uma etapa natural. Mas o conceito tem menos de 200 anos, foi inventado na Alemanha e seu criador Friedrich Froebel queria uma ruptura radical com a abordagem de ensino das escolas da época.

Mas para Resnick estamos enfrentando um grande problema. O jardim de infância vai se aproximando cada vez mais do restante da escola. Por isso a proposta de realizar o oposto: tornar toda a vida escolar, e profissional também, mais parecida com o jardim de infância.

Resnick foi aluno de Seymour Papert, matemático e educador pioneiro do uso de computadores na educação, que acreditava na computação como uma ferramenta de disrupção, subversiva, que traria para as crianças possibilidades de criação livre e aberta. Infelizmente, hoje as crianças parecem ter ficado com o papel de ferramenta dessas tecnologias. 

Para Papert, a tecnologia na educação deveria ser baseada em “pisos baixos” e “tetos altos”. Ou seja, oferecer maneiras simples aos iniciantes darem os primeiros passos, mas também possibilidades de trabalhar em projetos cada vez mais sofisticados ao longo do tempo.

O ponto central do livro e de Mitchel Resnick é que precisamos engajar crianças em experiências de aprendizagem criativa, não só no jardim de infância mas por toda a vida. 

Nesses espaços elas são incentivadas às experimentações, criação de protótipos, mashups malucos, materialização de coisas que não existem. E justamente esse espírito criativo se perde na própria escola ao longo do tempo.  

No mundo em aceleração precisamos aprender a capacidade de adaptação a condições em constante transformação. Nesse contexto, o sucesso de indivíduos, comunidades, empresas e países será dependente da capacidade de pensar e agir criativamente. Para além de uma sociedade da informação ou do conhecimento, vamos viver numa sociedade da criatividade.

Recomendo fortemente aos pais e mães, o livro traz muitas idéias, estratégias e ferramentas de como estimular uma aprendizagem criativa. Como disse o poeta irlandês W. B. Yeats, citado no livro, “Educação não é encher um balde, mas acender uma chama”.

  • 0

Faster than the Future

O ebook ‘Faster than the Future – Facing the Digital Age’ aborda 10 principais tópicos econômicos e sociais para o século XXI. Uma produção da Digital Future Society, com download livre aqui.

  • 0

Full-Spectrum Thinking

O ponto central de “Full-Spectrum Thinking”, novo livro de Bob Johansen, do Institute for the Future, está na idéia de que precisamos mudar de uma perspectiva de categorias para um pensamento mais aberto, considerando um espectro mais amplo de possibilidades.

De forma individual, cada pessoa deixa de ser categorizada com um título ou função, para ser percebida a partir de múltiplas identidades, mais fluidas, com diversas camadas, tanto em espaços físicos quanto virtuais.

Isso pode trazer mais tranquilidade a quem hoje não consegue se definir de forma objetiva. Você tem dúvidas de como preencher aquele campo “profissão” em formulários? Sem problemas.

Para o mercado, o produto abre espaço para um espectro maior de negócios, se transformando em novos serviços, modelos de assinatura e transições entre essas possibilidades.

Dois pontos trabalhados por Bon Johansen merecem mais atenção:

1 Cada vez mais os mercados serão redes complexas. E na confusão da complexidade, a vantagem estará na “clareza” – clareza de saber para onde ir, mas muito flexível sobre como chegar lá – e a desvantagem na “certeza”. A complexidade traz muitas certezas, mas muitas delas falsas.

2 A solução para a complexidade está na diversidade. Equipes cuidadosamente formadas são mais capazes de resolver problemas complexos. Como ter rapidamente uma perspectiva mais ampla sobre problemas? Claro, pela soma de muitas perspectivas.

Uma equipe plural não é apenas uma forma mais ética e responsável de condução de negócios. É também uma condição para competitividade e inovação. Equipes formadas por semelhantes são mais ágeis, mas equipes diversas criam inovações mais robustas. 

Portanto, se sua equipe é formada por profissionais na mesma faixa etária, com o mesmo tipo de formação, mesmo gênero, mesma cor, que moram nos mesmos bairros, o futuro (breve) pra você talvez seja ainda mais complexo e confuso. 

  • 0

Future Today Institute

Amy Webb, fundadora do Future Today Institute, apresentou no SXSW 2021 a 14ª edição do seu Tech Trends Report. 

O relatório é resultado de uma análise de quase 500 tendências de tecnologia e ciência em vários setores da indústria. Ao todo são 12 relatórios separados com tendências divididas por temas. Há ainda o que foi chamado de “Livro Zero”, com detalhes sobre a metodologia usada no trabalho.

Segundo o Future Today Institute, a proposta é trazer “percepções críticas para líderes de negócios, estratégia, governo e estratégia”.

Download disponível aqui.

  • 0

PET Saúde – UNEB / SMS

Treinamento online sobre ferramentas de comunicação para agentes de saúde. Sem dúvida uma formação super importante para profissionais que enfrentam diariamente os efeitos das fake news e estratégias de desinformação. Uma realização da UNEB e Prefeitura de Salvador.⠀

  • 0

Dilema das Redes

The Social Dilemma (2020). 

Muitos comentários já foram feitos sobre o documentário, um dos mais vistos atualmente na Netflix. Mas claro, deixo aqui minhas contribuições. São principalmente duas:⠀

Prmeira, sempre que possível é importante expor os efeitos dos algoritmos. Isso não está claro pra muita gente e quanto mais formas interessantes de expor o problema, melhor. ⠀

O documentário é divertido, traz analistas importantes para comentar e pode chegar a muito mais gente que não teria acesso fácil a essa discussão.⠀

Segunda, também é importante expor quem está pensando esses sistemas. Tirando um indiano e talvez duas mulheres, todos os outros são figuras do mesmo tipo. Nascidos nos EUA, formação em instituições de alto padrão, homens, brancos, mesma faixa etária, consumidores dos mesmos serviços e tecnologias. ⠀

E o problema aí é que esse perfil elabora os sistemas que impactam de forma violenta as relações sociais, a forma de pensar, trabalhar e diversos campos da vida pessoal no mundo inteiro.⠀

  • 0

SCREAM 2020

Painel “Academia + Mercado = A Nova Educação”, com Carolina Bustos (ESPM), Flávio Azevedo (ESPM), Adelino Mont’Alverne (Rework Future) e Pablo Reis (Grupo Aratu). Assista aqui.

  • 0

Mídia e Saúde

Série de encontros com estudantes e professores dos cursos de saúde da UNEB. Na pauta, pontos que aproximam cada vez mais os campos da comunicação digital e diversas especialidades da saúde.⁣

  • 0

O Futuro Chegou

Domenico De Masi tratou o Brasil como um modelo a ser seguido pela sua miscigenação, sincretismo e cultura pacífica, mesmo sendo um país marcado pela corrupção, racismo e desigualdades sociais. O ano era 2014 e a proposta do livro fazer um panorama de diferentes modelos de sociedade, que podem nos inspirar para pensar o presente.⠀

  • 0

Papo pro Futuro

Mais um papo sobre nossas perspectivas para o futuro e o trabalho na série criada por Flávio Dultra.

  • 0

Repensar a Produtividade

Live com Juliana Athaydde sobre produtividade e o futuro do trabalho na série Rework Future Live.

  • 0

Futuro. Ex-Futuro. Re-Futuro.

Convite do super empreendedor criativo Daniel Maior para uma live no Instagram sobre a idéia de “futuro”.

  • 0